Os Mormons Acreditam

No que os Mórmons Acreditam? por

  • no junho 27, 2012 | 4 Comentários

    Os “Mórmons” são os membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Esta igreja é a restauração completa da Igreja Primitiva de Jesus Cristo organizada pelo Senhor Jesus através de Seus apóstolos originais. Conforme predito por Paulo, houve um afastamento da verdade mesmo quando os apóstolos visitavam as congregações tão frequentemente quanto podiam. Dentro de poucas centenas de anos após a morte e ressurreição de Jesus Cristo e da organização da sua igreja, as filosofias da Grécia, do Egito e do Imperador de Roma, Constantino, misturaram com as doutrinas verdadeiras. Muitas verdades simples foram perdidas e muitas foram mudadas. Como os Protestantes acreditavam, e os Mórmons também acreditam, a autoridade apostólica foi perdida. Esta ideia levou a muitas reformas protestantes que tentavam reclamar a verdade perdida. Entretanto, as ideias e políticas da reforma protestante não foram suficientes. Era necessária uma completa restauração do poder e autoridade perdida.

    Os Mórmons acreditam que as condições eram adequadas no inicio da história dos Estados Unidos para a restauração do evangelho de Jesus Cristo sobreviver. As perseguições sempre seguiram os reformadores na Europa, e esta era a razão pela qual eles deixaram a Europa e vieram ser livres nos Estados Unidos. Durante o Segundo Grande Despertar no inicio da década de 1820 nos estados do nordeste americano, houve muitos que acreditavam que a reforma do Cristianismo não era o suficiente. Algumas pessoas tiveram revelações que logo Deus restauraria o evangelho em sua plenitude. Muitos destes que tiveram estas revelações se converteram à Igreja de Jesus Cristo quando lhes foi anunciado sua restauração.

    A visita do Senhor Jesus Cristo a um jovem de 14 anos que estava confuso sobre as muitas discordâncias entre as seitas Cristãs colocou de lado uma crença – da Trindade – que Deus era um espírito sem corpo ou paixões e que podia se manifestar na Terra como Jesus Cristo, portanto Deus encarnado. Quando Joseph Smith orou para saber a qual religião ele devia se filiar, dois personagens apareceram para ele em um pilar de luz flamejante – Deus, o Pai, apresentou Seu Filho, Jesus Cristo, e disse a Joseph que “O ouvisse”. Embora gloriosos além da descrição, estes dois seres eram homens ressuscitados. Parecia lógico para Joseph Smith, que sabia pela Bíblia que o Cristo ressurreto havia ascendido aos céus diante dos olhos dos apóstolos e que havia prometido retornar de maneira semelhante. O próprio Jesus Cristo havia dito durante o seu ministério que ele fazia a obra do Pai, o mesmo Pai para quem ele implorou no Jardim do Getsemane e na cruz.

    Deus, o Pai e Deus, o Filho, falaram com Joseph que ele não deveria se unir a nenhuma igreja, mas que a verdadeira e milagrosa Igreja de Jesus Cristo estava prestes a ser restaurada em preparação da Segunda Vinda do Senhor. Esta restauração, guiada pelo próprio Senhor Jesus Cristo, necessitava do retorno da autoridade apropriada e foi necessário que mensageiros celestiais conferissem esta autoridade, uma vez que não havia ninguém na Terra que a possuía. João, o Batista, conferiu o sacerdócio menor ou preparatório, para que a ordenança do batismo pudesse ser realizada. Pedro, Tiago e João conferiram o sacerdócio maior, para que o Espírito Santo pudesse ser conferido sobre a pessoa recém-batizada, e milagres pudessem se tornar comuns novamente.

    O Senhor revelou sua vontade linha sobre linha e preceito sobre preceito, para os profetas e apóstolos subsequentes. Escrituras previamente escondidas foram reveladas e outras foram prometidas. O trabalho seguiu adiante e seguirá até que tenha enchido toda a Terra.

    Os Mórmons Acreditam no Cristo Bíblico

    Os Mórmons acreditam que Jesus Cristo foi e é quem a Bíblia diz que é – o Criador e Salvador. Os Mórmons acreditam que Ele fez a vontade do Pai que O enviou. Os Mórmons acreditam que o Senhor Jesus Cristo nasceu da Virgem Maria em Belém e que foi crucificado em Jerusalém. Os Mórmons acreditam que o Senhor Jesus Cristo tomou sobre si os pecados do mundo, para que não tenhamos que sofrer caso nos arrependamos e guardemos os seus mandamentos. Os Mórmons acreditam que Cristo retornará, destruirá os iníquos e estabelecerá mil anos de paz e descanso na terra paradisíaca. Os Mórmons acreditam que os milagres realizados por Cristo e pelos apóstolos originais são direitos dos portadores do Santo Sacerdócio – o poder e autoridade para agir em nome de Deus – e que este sacerdócio foi completamente restaurado, juntamente com os milagres nestes tempos modernos.

    Os Mórmons acreditam que os céus estão abertos e que as palavras de Deus não tem fim. Os Mórmons acreditam nos profetas e escrituras e em revelações, tanto para a igreja como revelações individuais para todos os seres humanos nesta Terra. Os Mórmons acreditam que Deus ama seus filhos.

    Recursos Adicionais:

    Jesus Cristo no Mormonismo

    O Sentido da Vida

    A Bíblia no Mormonismo

     

Comments

  • Benedito Gonçalves Nogueira 1:32 pm on fevereiro 11, 2013 | #

    Depois de ler esse conteúdo, está mudado o meu pensamento a respeito dos mormons. Deus abençoe a todos!

  • maria helena 10:43 pm on abril 16, 2013 | #

    eu tambem tinha uma ideia diferente dos mormons , achei muito parecido com minha igreja a catolica

  • Crislaine 11:15 pm on maio 6, 2014 | #

    Eu sei que meu Redentor vive que esta sim e a Igreja de Cristo restaurada na terra que o livro de mórmon contem a plenitude do evangelho restaurado que Joseph viu sim Deus o pai e o seu filho Jesus Cristo .

  • Wilson Pinto 9:05 pm on novembro 30, 2014 | #

    Conhecer a Deus é buscar a santificação diariamente. É buscar a verdadeira felicidade que somente a pratica do que é justo e correto nos concede.

Deixe um Comentário


Copyright © 2016 Os Mormons Acreditam. Todos os direitos reservados.
Esta página web não pertence nem é afiliada a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (algumas vezes também chamada de Igreja Mórmon ou Igreja SUD). Os pontos de vista expressos pelos usuários são de responsabilidade dos mesmos e não representam necessariamente a posição da Igreja. Para acessar os sites oficiais da Igreja visite: LDS.org ou Mormon.org.